As distâncias de um romance
Poema enviado por: Alex Cardoso
 
Entendi que sol era vida, mas ecosol é o que?
Numa feirinha de comercio, em Santa Maria fui saber
De comercio, quase nada, de sol se fazia tudo
Foi ali que vi este romance nascer
Formação fui ter, entendi que tudo toma forma e ação
Diante de injustiças, pulsa meus braços e coração
Juntas estas emoções remoldam meu pensar
O educador, Lex, ouvi suas palavras bem fundo me tocar
Não tinha como ser diferente, a gente sabe quando está feliz
E neste novo mundo eu queria penetrar
É um conjunto de sentimentos, ações, ideias e histórinhas
Algumas só eu sei, tem a ver com espuminha,
outras com beijos, carinho e cama macia
A distância se torna menor, Viamão, Zona Sul nem sei mais
Sei que vou voando te encontrar, falar e escutar
Ali, numa incessante troca, compreendendo o que é amar
que dispo meu corpo mas visto minha alma,
Em fluídos complexos até tridimensionais
Para além de trocas carnais que se misturam
Tornando mais próximos os amantes,
Desta distância, que não separa este lindo romance
 
Autor: Alex Cardoso
» Ações
            

» Dados sobre o Poema
Título As distâncias de um romance
Autor Alex Cardoso
Categoria Paixão
Cadastro 24/10/2019 13:12:48
Visitado 90 vezes
Enviado Nenhuma vez



» Enviar este Poema
 
Seu nome
Seu e-mail
Nome do Destinatário
E-mail do Destinatário
Escreva uma Mensagem
  
 

© Copyright 1998 - 2019 Poemas de Amor. Todos os direitos reservados.