Insignificância.
Poema enviado por: Isabelly Swiecik
 
Eu poderia escalar mil montanhas,
poderia até mesmo subir à Lua
e de lá tomar conta de você.

Mas eu me cansaria atoa,
você ainda não se importaria comigo
como eu me importo contigo.

Eu sei que não devo implorar por seu amor,
mas você deveria se importar com a minha dor.

Você me prometeu o céu,
e tirou o meu chão;
Você me prometeu as estrelas,
e tirou o brilho do meu mundo;
Você me prometeu o amor,
e por meio de minha inocência me trouxe dor;

O que você realmente quer de mim?
Pois eu já não espero muito de você.

Lutei contra o fogo,
para ter você,
e estou farta disso.

Se for embora agora,
vá de vez, e não insista em voltar,
pois ter metade de você não basta.
 
Autor: Isabelly Swiecik
» Ações
            

» Dados sobre o Poema
Título Insignificância.
Autor Isabelly Swiecik
Categoria Desilusão
Cadastro 08/10/2019 06:56:16
Visitado 87 vezes
Enviado Nenhuma vez



» Enviar este Poema
 
Seu nome
Seu e-mail
Nome do Destinatário
E-mail do Destinatário
Escreva uma Mensagem
  
 

© Copyright 1998 - 2019 Poemas de Amor. Todos os direitos reservados.