Lembranças
Poema enviado por: valdemar rodrigues da silva
 
O amor por ser criança, gosta mesmo é de brincar, brincar de amar é perigoso, pode alguém se machucar. Passa um, passa dois, passa treis, não passa quatro, o amor é feito a dois, a matemática é um fato. Já brinquei de amarelinha, de casinha e muito mais, mas na vida tudo passa, sempre alguém fica prá traz. Nas lembranças que carrego, um amor se destacou, por ser criança não deu certo, me feriu e machucou.
 
Autor: Autor: Valdemar Rodrigues da Silva
» Ações
            

» Dados sobre o Poema
Título Lembranças
Autor Autor: Valdemar Rodrigues da Silva
Categoria Amor
Cadastro 29/11/2018 05:02:29
Visitado 15 vezes
Enviado Nenhuma vez



» Enviar este Poema
 
Seu nome
Seu e-mail
Nome do Destinatário
E-mail do Destinatário
Escreva uma Mensagem
  
 

© Copyright 1998 - 2018 Poemas de Amor. Todos os direitos reservados.